A BIBLIOTECA

HISTÓRICO

A Biblioteca Aloísio Magalhães (BAM) foi criada em 1977, pertencendo na época, ao Centro Nacional de Referência Cultural (CNRC), que era dirigido por Aloísio Magalhães.

Aloísio Magalhães (1927 – 1982), natural de Recife, embora tivesse formação acadêmica em direito, foi considerado um dos pioneiros no design moderno no Brasil e destaque em diferentes áreas artísticas como pintura e cenografia. Foi um incansável defensor do patrimônio histórico e artístico nacional, tendo coordenado e implantado em 1975 o Centro Nacional de Referência Cultural e assumido, em 1979, a direção do Iphan onde realizou trabalhos que deixaram marcas positivas no Instituto.

Considerava Aloísio Magalhães, que bens culturais não era somente o patrimônio edificado, mas também o conhecimento produzido, por isso defendia o acesso aos acervos. Já naquela ocasião, ele dizia que o crescimento de uma nação depende do conhecimento, caso contrário poderia se tornar uma nação rica, porém sem personalidade, sem alma, [sem memória].

Em 1990, quando da extinta Fundação Nacional Pró-Memória (FNPM), a biblioteca passou a pertencer ao Instituto Brasileiro de Patrimônio Cultural (IBPC), hoje Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

ACERVO

O acervo conta com obras exclusivas, além de publicações produzidas pelas regionais do Iphan em todo o País. São mais de 21 mil itens de informação nas áreas de: Artes, Arquitetura, Antropologia, Arqueologia, Cultura, Educação Patrimonial, Fotografia, História (Geral e do Brasil), Museologia, Literatura Brasileira, Música, Teatro, Patrimônio Cultural (Paisagem Natural, Paisagem Cultural, Bens Culturais, Patrimônio Mundial, Patrimônio Material, Patrimônio Imaterial, Cidades Históricas), Turismo Cultural.

MISSÃO

Proporcionar a disseminação da informação sobre o patrimônio cultural aos servidores do Iphan, Sistema Minc e a sociedade, para fortalecer a identidade e o direito à memória.

ESPAÇO FÍSICO

A BAM dispõe de um espaço físico de 370,67 m², distribuído entre acervo, sala de leitura e estudo, sala de trabalho em grupo, sala da direção e a sala do arquivo deslizante no 1º subsolo.

Conheça nossas instalações

Acompanhe-nos também pelo twitter: http://twitter.com/biblioam

Anúncios