Brasília recebe vencedores do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade

Cartaz_menor

O Clube do Choro, em Brasília, será o palco de entrega do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, promovido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). A cerimônia que ocorre, no dia 04 de novembro, às 19h, reunirá os representantes das seis ações vencedoras. Cada uma dessas receberá o valor de R$ 25 mil e uma placa comemorativa como parte do reconhecimento às iniciativas de preservação, valorização e salvaguarda do Patrimônio Cultural Brasileiro. O Prêmio que chega a 27ª edição foi criado pelo Iphan, no ano de 1987, em homenagem ao primeiro presidente do Instituto. O objetivo é reconhecer iniciativas, desenvolvidas por pessoas e instituições públicas ou privadas que mantém vivo o patrimônio e suas mais diversas formas de expressão.

Esta edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade lembra ainda o centenário da arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, responsável por inovações estéticas na arquitetura nacional. Ela participou ativamente da produção cultural do país, ao lado de nomes como Lúcio Costa, Oscar Niemeyer, Athos Bulcão, Burle Marx, Portinari, o escultor Landucci e outros. Projetou espaços culturais importantes, como a sede do Museu de Arte de São Paulo (MASP); o Teatro Oficina de São Paulo; o Museu de Arte Moderna da Bahia; e a Casa de Cultura, em Recife. Sua própria residência, conhecida como Casa de Vidro, foi tombada pelo Iphan em 2007.

Os premiados dos estados do Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraíba e Rio de Janeiro foram selecionados em agosto, pela Comissão Nacional de Avaliação, composta por 16 jurados, que levaram em consideração a relevância e excelência de cada projeto. Durante a cerimônia de premiação o público poderá conhecer os projetos vencedores que fortalecem relações de identidade e preservação da memória social do Brasil. São eles:

Categoria I – iniciativas de excelência em técnicas de preservação e salvaguarda do Patrimônio:
•Ação: Rabecas da Tradição: performance e luteria.
Os rabequeiros, tocadores e fabricantes artesanais da rabeca, mantêm vivo o som deste instrumento, no interior do Ceará, como forma de preservar a cultura do lugar onde vivem.
Proponente: Francisco Gilmar Cavalcante de Carvalho
Estado: Ceará
Leia mais

  • Ação:Projeto Respeitável Público, Respeitável Circo.
    A partir de diversas ações e de uma extensa pesquisa documental, o Projeto reacende a memória e a força de expressão cultural do Circo, em Minas Gerais.
    Proponente: Sula Kyriacos Mavrudis
    Estado: Minas Gerais
    Leia mais
  • Ação:Projeto de Balsa Buriti Preservando a Memória Fluvial.
    Uma balsa feita da leveza do Buriti traz à tona o peso e força da memória, percorrendo, pelo rio, diversas localidades da região e mostrando este antigo costume de construir este tipo de balsa.
    Proponente: Fundação Casa da Cultura de Marabá
    Estado: Pará
    Leia mais

Categoria II – iniciativas de excelência em promoção e gestão compartilhada do Patrimônio:
•Ação: Projeto Cabocla – Bordando Cidadania.
Oficinas de um antigo costume, o bordado, são ministradas às presidiárias e aos presidiários da cidade de Goiás, tecendo novas histórias.
Proponente: Milena Curado de Barros
Estado: Goiás
Leia mais

  • Ação:Memórias e colaborações através do audiovisual.
    No município de Zabelê, o pequeno gesto de uma câmera na mão é capaz de reviver e registrar o patrimônio cultural daquele lugar.
    Proponente: Associação Cultural de Zabelê.
    Estado: Paraíba
    Leia mais
  • Ação: Programa de Apoio à Conservação do Patrimônio Cultural – PRÓ-APAC.
    A ação propõe a revitalização de residências, como instrumento de manutenção da memória e de preservação do patrimônio
    Proponente: Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro/Instituto Rio Patrimônio da Humanidade.
    Estado: Rio de Janeiro
    Leia mais

Mesas Redondas
Este ano, o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade traz uma novidade. Na tarde do dia 03 de novembro, e na manhã do dia 04 de novembro, os premiados estarão reunidos na sede do Iphan em Brasília apresentando seus projetos em mesas redondas. A abertura dos trabalhos será às 14h, com a presidenta do Iphan, Jurema Machado, diretores e técnicos do Instituto. Também participarão do debate – que será aberto ao público – alguns dos jurados da Comissão Nacional de Avaliação. O objetivo deste encontro é proporcionar maior interação entre o Iphan e os envolvidos nas ações vencedoras, além de possibilitar a troca de experiências e uma ampla divulgação dos projetos que apresentam uma visão sobre o país a partir de suas realidades locais.

Lina Bo Bardi
A 27ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade celebra também o centenário da arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, responsável por inovações estéticas na arquitetura nacional. Veio para o Brasil junto com o marido, Pietro Maria Bardi, em 1946, onde participou ativamente da produção cultural do país, ao lado de nomes como Lúcio Costa, Oscar Niemeyer, Athos Bulcão, Burle Marx, Portinari, o escultor Landucci e outros. Projetou espaços culturais importantes, como a sede do Museu de Arte de São Paulo (MASP); o Teatro Oficina de São Paulo; o Museu de Arte Moderna da Bahia; e a Casa de Cultura, em Recife. Sua própria residência, conhecida como Casa de Vidro, foi considerada patrimônio Cultural pelo IPHAN em 2007.

Rodrigo Melo Franco de Andrade
O advogado, jornalista e escritor Rodrigo Melo Franco de Andrade nasceu em 17 de agosto de 1898, em Belo Horizonte. Foi redator-chefe e diretor da Revista do Brasil e, na política, foi chefe de gabinete do ministro da Justiça, Francisco Campos, atuando na equipe que integrou o Ministério da Educação e Saúde do governo Getúlio Vargas. O grupo era formado por intelectuais e artistas herdeiros dos ideais da Semana de 1922. Rodrigo Melo Franco de Andrade comandou o Iphan desde sua fundação, em 1937, até 1967.

Serviço:
Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade
Cerimônia de Premiação
Data:
 04 de novembro de 2014, às 19h
Local: Clube do Choro de Brasília
Setor de Divulgação Cultural, Bloco G – Eixo Monumental, Brasília – DF

Mesas Redondas:
Data: 
03 e 04 de novembro
Local: Sala Mário de Andrade – Sede do Iphan
SEPS 713/913, bloco D – Asa Sul – Brasília – DF

Mais informações para a imprensa
Assessoria de Comunicação IPHAN
premio.prmfa@iphan.gov.br
Gabriela Sobral Feitosa – gabriela.feitosa@iphan.gov.br
Greice Alves – greice.alves@iphan.gov.br
Iris Santos – iris.santos@iphan.gov.br
Adélia Soares – adelia.soares@iphan.gov.br
(61) 2024-5461 – 2024-5463 – 2024-5447
(61) 9381-7543

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s